Cassação de Eduardo Cunha desidrata Centrão

Cassação de Eduardo Cunha desidrata Centrão

­­

Coluna do Estadão

19 de outubro de 2016 | 06h15

Jovair Arantes. Foto: Evaristo Sá/AFP

Jovair Arantes. Foto: Evaristo Sá/AFP

Apesar dos esforços para se colocar na disputa pela presidência da Câmara, o poder do Centrão foi esvaziado com a derrocada de Eduardo Cunha. Seus líderes hoje são os deputados Jovair Arantes (PTB-GO) e Rogério Rosso (PSD-DF).

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Sem força