‘Cabeça’ de Moro é prenda para o Centrão

‘Cabeça’ de Moro é prenda para o Centrão

Alberto Bombig e Marianna Holanda

24 de abril de 2020 | 15h11

Foto: Gabriela Biló/Estadao

A “cabeça” do ministro Sérgio Moro é a prenda que Jair Bolsonaro ofertou ao Centrão para ter apoio do poderoso bloco partidário no Congresso, disse à Coluna um importante líder desse grupo parlamentar. O presidente quer a segurança do Centrão para evitar um processo de impeachment.

Com a demissão do ex-juiz, nesta sexta-feira, 24, Bolsonaro fez uma sinalização clara de que aceita negociar uma aliança. O problema, aponta esse mesmo líder, é que Moro saiu do ministério “atirando”, e deixou o Planalto e o bloco em situação desfavorável na opinião pública.

Por outro lado, a saída de Moro do ministério garante ao governo um nome mais alinhado a Bolsonaro no comando da Polícia Federal. Assim, na leitura de dirigentes partidários, seria a forma da manter o Centrão “na linha”, uma vez muitos parlamentares têm investigações pesando contra si na PF.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.