Braga Netto jogou a pá de cal no voto impresso

Braga Netto jogou a pá de cal no voto impresso

Coluna do Estadão

23 de julho de 2021 | 05h00

Foto: Dida Sampaio / Estadão

Em sua ameaça ao Congresso, o ministro e general da reserva Braga Netto encampou um assunto que havia muito surgia nas rodas de conversas entre militares: a suposta “necessidade” de revisão do sistema eleitoral do País, mais especificamente, do escrutínio dos votos por meio eletrônico/digital. Ou seja, querem o tal “voto auditável”. Até militares que não guardam simpatia por Jair Bolsonaro compactuam com a ideia. Agora, um deles, ouvido pela Coluna, avalia que a afoiteza do presidente e a pressão de Braga Netto enterraram o debate.

Deu ruim. Para esse mesmo general da reserva, a PEC do voto impresso foi “enterrada” após a reação da classe política, do Judiciário e da sociedade diante da insistência do governo.

Não… A declaração de Hamilton Mourão reafirmando as eleições de 2022 foi muito elogiada nos meios militares. O vice falou em nome de um grupo.

…é assim. A fala serviu como um freio de arrumação de parte dos fardados diante da confusão provocada pelos fanáticos ideológicos bolsonaristas: defender “voto auditável” é uma coisa, ameaçar de golpe a democracia, outra, dizem.

Mais… Se ficar confirmado o diagnóstico de que o debate sobre o voto impresso, finalmente, está interditado, sobrará dessa confusão toda apenas uma narrativa golpista para Bolsonaro tirar do colete, caso venha a ser derrotado em 2022.

…uma. Claro, por ora, Bolsonaro colhe benefícios imediatos de mais uma crise fabricada por ele próprio: a pandemia, o Fundo Eleitoral, a inflação e tantos outros problemas reais do País e do governo ficaram em segundo plano.

SINAIS PARTICULARES.

Braga Netto, ministro da Defesa

Kleber Sales

Missão… Presidentes de partidos do Centrão já passaram ao futuro ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI), sua primeira demanda: convencer Jair Bolsonaro a não vetar o fundão de R$ 5,7 bilhões.

…impossível? A tarefa será árdua. Mas Nogueira pode, ao menos, articular um valor do fundo “mais favorável” ao Congresso.

Veja bem. Mesmo que Bolsonaro vete o Fundo Eleitoral, como já prometeu, o presidente do PP pode garantir algo em torno de R$ 4 bilhões, disse um dirigente do Centrão. Até porque, como bem lembrou, Bolsonaro precisará de recursos no ano que vem…

Sentiu. Eduardo Bolsonaro gravou vídeo pedindo aos eleitores “um voto de confiança no presidente”. “Ele sabe o que acontece aqui no Congresso Nacional. Várias pessoas, e às vezes até eu mesmo não tenho a foto completa do cenário político. Dê um voto de confiança”.

Sentiu 2. No momento em que Brasil e Argentina tentam refazer os laços, Eduardo termina o vídeo falando sobre o país vizinho: “A gente ainda não tem um Alberto Fernandéz (presidente argentino aliado de Lula) na presidência”.

CLICK. O prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (PSB), tomou a primeira dose de vacina contra a covid-19 ontem, 22, dia em que completou 34 anos de idade.

Coluna do Estadão

Novo... O governo do Estado de São Paulo selecionou dois projetos de uma nova rodovia que deverá ligar a capital paulista ao Porto de Santos. Esse corredor multimodal será alternativa para o escoamento da produção nacional.

…modal. As empresas vencedoras terão 120 dias para aprofundarem os estudos, que serão analisados na próxima fase. O plano é que esse novo corredor logístico faça a conexão do Rodoanel Mario Cova até a margem esquerda do Porto e com a rodovia Cônego Domênico Rangoni.

Voz… Uma das lideranças mais fortes da Colômbia, a prefeita de Bogotá, Claudia López (Aliança Verde), fala sobre a crise política em seu país em evento da Fundação FHC e da Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (Raps).

…feminina. O webinar Colômbia: Crise Política e Novos Atores Sociais hoje (sexta-feira, 23), às 11h com transmissão pelo Facebook da Raps e da FFHC.

PRONTO, FALEI!
Carlos Lupi, presidente do PDT: “Braga Netto é ministro do Brasil, não do Bolsonaro. A função do presidente foi escolhê-lo. A partir daí, é preciso se ater ao dever constitucional das Forças”.

COM REPORTAGEM DE ALBERTO BOMBIG E MARIANNA HOLANDA. COLABOROU JESSICA BRASIL.

Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao
Instagram: @colunadoestadao

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.