Auditora do TCU é exonerada após reclamar de ingerência de ministro

Auditora do TCU é exonerada após reclamar de ingerência de ministro

.

Luiza Pollo

09 Março 2017 | 05h45

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Foto: Dida Sampaio/Estadão

A auditora do TCU Denise Machado foi exonerada do cargo de chefe da secretaria que fiscaliza estatais no Rio após reclamar ter sofrido ingerência política do ministro Augusto Sherman em auditorias sobre o BNDES. Os dois se desentenderam sobre a composição de equipes e o cronograma dos trabalhos.

No plenário, Sherman disse que agiu corretamente, pediu que a corregedoria investigue sua atuação e mandou publicar documentos do caso.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Mais conteúdo sobre:

Augusto Sherman