Após mais de 30 horas de julgamento, sinais de cansaço por todos os lados

Após mais de 30 horas de julgamento, sinais de cansaço por todos os lados

-

Coluna do Estadão

27 de agosto de 2016 | 16h54

image1 (2)

Terceiro dia de sessão de julgamento do impeachment, mais de 30 horas de trabalhos e todos já dão sinal de cansaço que vão além das caras de sono.

Nesta tarde, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, chamou o senador Cristovam Buarque de Cristóvão Colombo.

Já o senador petista Paulo Rocha trocou os ex-ministros da Fazenda de Dilma. No Twitter, queria falar de Nelson Barbosa, que presta depoimento neste sábado. Mas, na hora de escrever, invocou Joaquim Levy. “No 3º dia do julgamento da presidenta Dilma, o senador Paulo Rocha questiona Joaquim Levy, testemunha de defesa”. (Isadora Peron e Daniel Carvalho)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.