Após cobrança pública por redução de juros, presidente do BC procura Rodrigo Maia

Após cobrança pública por redução de juros, presidente do BC procura Rodrigo Maia

.

Luiza Pollo

13 de maio de 2017 | 06h00

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Na solenidade de aniversário do governo, o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, procurou Rodrigo Maia depois que o presidente da Câmara cobrou publicamente maior velocidade na redução da taxa de juros.

Ilan disse a Maia que o governo também gostaria de baixar mais os juros e cobrou a aprovação da reforma da Previdência. Na tréplica, Maia lembrou que não existe hoje pressão inflacionária que impeça a redução dos juros.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo MaiaIlan Goldfajn

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.