Alexandre de Moraes diz que não sabia que reunião seria em barco

Alexandre de Moraes diz que não sabia que reunião seria em barco

.

Luiza Pollo

10 de fevereiro de 2017 | 17h19

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse ter se surpreendido com o local da reunião com senadores do baixo clero da qual participou nesta semana. Acompanhado do assessor especial de Michel Temer, Sandro Mabel, Moraes afirmou em nota ter descoberto só no endereço QL 22, conjunto 10, casa 20, que a reunião seria no barco de Wilder Morais (PP-GO). “Compareci e fui surpreendido que a reunião ocorresse em um barco atracado nessa residência”, disse Moraes. Na verdade, o barco fica atracado na marina Vip Service.

Indicado para assumir a cadeira de Teori Zavascki no Supremo, Moraes ainda alegou que a conversa foi “séria e respeitosa”. “Tivemos uma conversa séria e respeitosa, assim como venho fazendo em todas as reuniões com os demais senadores”, declarou Moraes. No encontro, ele pediu votos dos senadores. A vaga no STF depende de ser aprovado em sabatina no Senado e pelo plenário da Casa.

Siga a Coluna do Estadão:
Twitter: @colunadoestadao
Facebook: facebook.com/colunadoestadao

 

Tudo o que sabemos sobre:

Alexandre de MoraesSTF

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.