Vivo ´condenada por cobrar pessoa que nunca foi cliente

Marcelo Moreira

29 de maio de 2009 | 19h28

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro condenou a Vivo a pagar indenização por danos morais no valor de R$ 8 mil a uma cliente por causa de uma cobrança indevida. A consumidora, que nunca foi cliente da empresa, pediu reparação porque teve o nome “negativado” por duas linhas habilitadas em seu nome indevidamente.