Speedy sofre nova pane em São Paulo

Marcelo Moreira

19 de maio de 2009 | 00h51

DO ESTADO DE S. PAULO

O Speedy, serviço de banda larga de internet da Telefônica, voltou a sofrer pane na tarde de ontem em vários pontos do Estado de São Paulo.

Apesar de a empresa ter informado que o acesso à internet foi normalizado às 14h53, vários usuários ainda reclamavam de instabilidade no serviço no começo da noite de ontem.

“Por volta das 13h de hoje, a empresa detectou instabilidade em sua infraestrutura que dá suporte ao acesso à rede mundial de computadores”, informou a Telefônica, em comunicado. “As causas do problema ainda estão sendo apuradas. ”

No serviço de microblogs Twitter, muita gente reclamava do serviço de banda larga. “Estou impressionada com o péssimo serviço do Speedy aqui na casa da minha mãe”, reclamou uma usuária, que se identifica como Leticia P., por volta das 18h. “Me lembra o tempo da ( internet ) discada.” André Meister escreveu: “Speedy, eu odeio você.”

Por causa do problema, a central da Telefônica ficou sobrecarregada. “A Central de Relacionamento 10315 ainda apresenta volume de chamadas superior à média para o horário”, informou a companhia na tarde de ontem. “A Telefônica estima que o atendimento voltará ao normal até o final desta tarde (a de ontem) .”

Não é o primeiro problema que o serviço apresenta em grande escala no Estado de São Paulo. Em abril deste ano, o Speedy apresentou problemas por vários dias.

A Telefônica culpou ataques de criminosos virtuais pela pane. Quem se sentir lesado deve recorrer ao Procon pedindo desconto pelos dias parados ou pedir indenização no Juizado Especial Cível (JEC, antigo pequenas causas).

Em julho de 2008, o Speedy sofreu um apagão, que deixou os clientes sem serviço por 36 horas. A companhia fechou o primeiro trimestre do ano com 2,657 milhões de clientes de banda larga.

Tendências: