Porto Seguro também é condenada a pagar o benefício do DPVAT

Marcelo Moreira

26 de janeiro de 2009 | 18h50

A seguradora Porto Seguro Cia. de Seguros Gerais deve pagar 40 salários mínimos referente à indenização correspondente ao DPVat (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre) a uma cliente de Cuiabá (MT). A decisão é da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.