Plano de saúde é condenado por negar cobertura a cliente

Marcelo Moreira

30 de abril de 2010 | 23h03

A 2ª Câmara de Direito Civil manteve sentença da 4ª Vara Cível da Comarca da Capital, e condenou a Unimed de Joinville a reembolsar uma consumidora em R$ 7,7 mil, devido a gastos com medicamentos, além de pagar R$ 3 mil por danos morais.

A cliente ajuizou ação após lhe ser negada a cobertura de plano de saúde celebrado entre a cooperativa médica e o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea), ao qual é filiada. A negativa referiu-se ao fornecimento da medicação para tratamento quimioterápico.

Tudo o que sabemos sobre:

Unimed

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.