Plano de saúde é condenado a pagar exame e tratamento

Marcelo Moreira

29 de dezembro de 2008 | 21h47

A 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) restabeleceu a sentença que garantiu a um paciente a cobertura de tratamento médico realizado em decorrência de ter sofrido fratura do osso sacro. A Sul América Seguro S.A. havia alegado doença preexistente para não custear o tratamento necessário.