Perfumaria é condenada por vender produto que causou queda de cabelo

Marcelo Moreira

03 de abril de 2009 | 23h22

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro manteve a decisão de primeira instância que condenou a Perfumaria Márcia a pagar indenização de R$ 2 mil por danos morais a uma consumidora que teve queda de cabelo ocasionada por produto fabricado pela empresa. Após o incidente, a moça passou a apresentar falhas capilares.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.