Ofensas por mensagem de texto rendem indenização

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou a Nextel a indenizar uma consumidora, que recebeu mensagens de texto ofensivas. Os recados eram anônimos, mas foram enviados através do site da operadora, que deve zelar pela segurança de seus clientes

Marcelo Moreira

11 de novembro de 2010 | 13h00

 O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou a Nextel a indenizar uma consumidora, que recebeu mensagens de texto ofensivas. Os recados eram anônimos, mas foram enviados através do site da operadora, que deve zelar pela segurança de seus clientes. A consumidora receberá R$ 4 mil por dano moral.

Tudo o que sabemos sobre:

indenizaçãomensagem de textoNextel

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.