Número do CPF vai sair na hora a partir de agosto

Processo hoje demora cerca de sete dias úteis se não houver pendências. Procedimento vai eliminar o cartão de plástico. Para entrar em vigor basta os emissores - Baqnco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Correios - fazerem a integração do sistema online

Marcelo Moreira

15 de junho de 2010 | 17h00

A Receita Federal publicou no Diário Oficial a Instrução Normativa 1.024 com as regras para que o contribuinte obtenha na hora o número do CPF. Hoje, o processo, se não houver pendências, leva em média sete dias úteis. O novo sistema, previsto para entrar em operação em agosto, eliminará a emissão de cartões de plástico com o número do.

Atualmente, os bancos que prestam o serviço de atendimento para o CPF não trabalham com base de dados online para a pronta emissão do documento. Esse processo de integração está em andamento e, no caso do Banco do Brasil, já foi homologado. Os outros emissores, Caixa Econômica Federal e Correios, ainda estão trabalhando com a Receita na integração de sistemas. O custo para o contribuinte obter o CPF seguirá em R$ 5,50.

Tudo o que sabemos sobre:

CPFReceitaReceita Federal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: