Nome sujo indevidamente rende indenização

O Banco Itaucred Financiamento terá de pagar R$ 5 mil de indenização, a título de dano moral, por ter colocado indevidamente o nome de uma pessoa que nunca teve relação jurídica com a empresa nos cadastros restritivos de crédito

Marcelo Moreira

05 Julho 2010 | 16h10

O Banco Itaucred Financiamento terá de pagar R$ 5 mil de indenização, a título de dano moral, por ter colocado indevidamente o nome de uma pessoa que nunca teve relação jurídica com a empresa nos cadastros restritivos de crédito.  A decisão é da 1ª Vara Cível da comarca de Niterói.

Mais conteúdo sobre:

indenizaçãonome sujo