Nome incluído indevidamente no SPC rende indenização

Marcelo Moreira

08 de dezembro de 2009 | 22h24

A 1ª Turma Recursal do Fórum Professor Dolor Barreira, do Tribunal de Justiça do Ceará, determinou que a empresa Telemar Norte Leste S/A pague indenização no valor de R$ 3.983,65 a um cliente que teve o nome incluído, indevidamente, no cadastro de inadimplentes do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.