Nome incluído indevidamente na Serasa rende indenização

Marcelo Moreira

24 de julho de 2009 | 19h37

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais condenou a empresa de telecomunicações Telemig indenizar uma consumidora em R$ 5 mil. Segundo o processo, a cidadã foi surpreendida após ter seu nome incluso indevidamente no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) pela Telemig Celular por causa de serviços que nunca solicitou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.