Motos: pneus são bons; capacetes, nem tanto

Marcelo Moreira

28 de julho de 2009 | 22h56

O Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP) autuou quatro dos 58 estabelecimentos que comercializam capacetes para motocicletas, visitados durante a “Operação Pegasus”, no início desta semana.

No total, foram verificados 4.993 capacetes, dos quais 14 foram apreendidos e oito foram interditados. Os produtos não continham o selo do Inmetro( que deve ficar na parte de trás) e a faixa refletiva obrigatória, além a etiqueta interna costurada na cinta jugular do produto, com as mesmas informações do selo.

Em todo o primeiro semestre deste ano, o Ipem-SP inspecionou 3.622 capacetes, dos quais 66 foram apreendidos por irregularidades. Em 2008, foram fiscalizados 15.225 capacetes e 66 apreendidos.

Ao contrário dos capacetes, as 4.127 unidades de pneus novos para motos verificados na ação não apresentaram problemas e todas as 48 lojas visitadas obtiveram 100% de aprovação.

A ação fiscalizou lojas nas cidades de Santo André, Bauru, Campinas, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, além de São Paulo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.