Mercado Livre é condenado por não cumprir contrato de venda

Marcelo Moreira

28 de janeiro de 2010 | 22h25

O Mercado Livre foi condenado a indenizar por danos materiais uma pessoa que vendeu um notebook pelos serviços da empresa, mas não recebeu o valor contratado. O e-mail destinatário da mensagem foi o mesmo utilizado pela equipe de segurança e comunicação. A decisão é do 2º Juizado Especial Cível e cabe recurso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.