Médico é condenado por problemas em cirurgia plástica

Marcelo Moreira

01 de julho de 2009 | 22h05

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) condenou um cirurgião plástico a indenizar paciente em R$ 4,4 mil (danos materiais) e R$ 40 mil (danos extrapatrimoniais). A cliente ficou com cicatrizes hipertróficas após cirurgias de implante de prótese de silicone nos seio, retirada de excesso de pele e gordura localizada.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.