Mais tempo para enviar a declaração do imposto de renda

Marcelo Moreira

29 de abril de 2009 | 19h43

A dois dias do término do prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda 2009, a Receita Federal decidiu ontem manter em operação, na madrugada, o programa de recebimento das declarações pela internet.

O sistema parava para manutenção da 1h às 5h. Na quarta e quinta-feira, a interrupção ocorrerá só das 4h às 5h. O prazo de entrega pela internet vai até meia-noite de amanhã, dia 30.

Para entrega no Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Correios vale o horário das agências. Até as 17 horas de ontem, a Receita havia recebido 19,085 milhões de declarações. A estimativa é que 25 milhões sejam entregues. Quem perder o prazo pagará a multa de R$ 165,74, ou máxima de 20% do imposto devido.

Quanto mais perto do fim do prazo, maior o risco de erros no preenchimento. Segundo o contabilista e professor da Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), Wagner Pagliato, o erro mais comum é deixar de declarar algum bem. Quem tem certeza da falta de alguma informação deve, segundo ele, entregar a declaração mesmo que incompleta, e depois mandar uma retificadora.

Isenção para aposentados

A Comissão de Assuntos e Econômicos (CAE) do Senado aprovou ontem projeto de lei que isenta de pagamento do IR os aposentados e pensionistas com mais de 70 anos.

A isenção só atingirá a faixa de rendimentos de até R$ 3,8 mil. A proposta prevê redução gradual do pagamento do IR. São estabelecidas cinco faixas de isenção: de 20%, a partir do mês em que completar 66 anos; 40%, a partir de 67 anos; 60% aos 68 anos; 80% quando atingir 69 anos; e a isenção total no momento em que completar 70 anos.

O projeto de lei seguirá para votação na Câmara, caso nenhum senador solicite sua apreciação pelo plenário da Casa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.