Loja é condenada por constrager deficiente

Marcelo Moreira

02 de julho de 2009 | 18h38

O 3º Juizado Especial de Competência Geral de Samambaia (DF) condenou a rede de varejo Ricardo Eletro a pagar R$ 5 mil como indenização por danos morais a um consumidor. O cliente, portador de deficiência física, teria sido vítima de constrangimento e discriminação na loja do Setor Central de Samambaia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.