Justiça determina que LG troque TVs no Rio

Marcelo Moreira

30 Maio 2010 | 08h46

A juíza Márcia Cunha, titular da 2ª Vara Empresarial da do Rio de Janeiro, determinou, em caráter liminar, que a LG substitua os televisores modelo LCD Time Machine que apresentem problemas ou então que devolva aos consumidores a importância, devidamente corrigida, paga pelos aparelhos.

A empresa manteve a venda desses produtos mesmo sabendo do defeito de fabricação, que afetava principalmente a fonte e o capacitor das TVs. Em caso de descumprimento, será aplicada multa diária no valor de R$ 50 mil.