Inclusão indevida no SPC rende indenização

Marcelo Moreira

17 de novembro de 2011 | 16h47

Consumidor que teve nome incluído na lista de proteção ao crédito receberá R$ 5 mil de indenização da Claro. Em junho de 2010, o cliente contratou um plano de internet móvel, mas cancelou o serviço, já que sua região não tinha sinal. Porém, mesmo sem oferecer o serviço, a operadora não cancelou uma conta de R$ 592.

Tudo o que sabemos sobre:

Claroindenização

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.