Faculdade é condenada por excluir aluna de MBA

Marcelo Moreira

13 de julho de 2009 | 23h24

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul condenou a Faculdade Metodista de Santa Maria (Fames) a indenizar em R$ 6 mil uma aluna que foi excluída de curso de pós-graduação (MBA) por ainda ser estudante de graduação. A aluna havia sido convidada ao curso pela própria a faculdade, que garantia não haver problemas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.