Evite confusão. Informe-se

crespoangela

10 de outubro de 2006 | 00h05

Texto de Maíra Teixeira

Informar-se bem e aprender sobre o que consumimos são sempre as melhores maneiras de evitar problemas. A sensação geral, quando não entendemos nossos direitos, é de que nos tornamos reféns do prestador de serviço ou do vendedor do produto. Isso fica ainda mais evidente na hora em que passamos por um sufoco ligado à saúde e começamos a depender dos atendentes de hospitais, clínicas, laboratórios e até do SAC e do corretor do plano contratado.

Tendências: