Erro médico em Minas Gerais rende indenização

Marcelo Moreira

28 de março de 2011 | 17h25

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) condenou um hospital de Caratinga e um médico a indenizar uma
paciente que teve uma gaze esquecida em seu abdômen após a realização de cesariana. A mulher vai receber R$ 51 mil por danos morais e também uma indenização por danos materiais comprovados.

Mais conteúdo sobre:

indenização