Empresas aéreas podem ganhar selo de certificação

Marcelo Moreira

03 de junho de 2009 | 22h08

SAULO LUZ – JORNAL DA TARDE

A certificação de qualidade está chegando às empresas aéreas. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) está criando um selo para identificar as companhias que oferecem mais conforto para os passageiros.

O objetivo do trabalho – que deve ser desenvolvido em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) – é incentivar a melhoria nos serviços das operadoras e fornecer ao consumidor mais uma ferramenta para o momento da escolha.

Atualmente, a agência desenvolve um estudo para definir os critérios para categorizar as aeronaves quanto ao conforto.

Além de ser uma ferramenta importante para que o passageiro faça sua escolha, o selo também poderá ser usado como um diferencial de marketing pelas companhias.

“Estamos em parceria com o Inmetro trabalhando os critérios a serem avaliados. Até o final do ano, a proposta deve estar pronta”, diz Paulo Henrique de Noronha, chefe de Comunicação da Anac.

Segundo a agência, ainda que o conforto não seja requisito da regulamentação, aspectos ligados à segurança e à saúde têm demonstrado que o espaço útil destinado ao viajante deve considerar a morfologia corporal e o tempo de voo.

O selo faz parte de uma série de medidas recentes para melhorar os serviços aéreos no Brasil. Na semana passada a Anac criou um ranking popular das companhias aéreas, o Espaço do Passageiro.

O ranking funciona em uma página na internet (www.anac.gov.br/passageiro) onde o consumidor pode avaliar o serviço das companhias aéreas nacionais e internacionais em 11 quesitos (como serviço de bordo, cuidados com a bagagem, pontualidade e atendimento em geral).

A soma das avaliações de todos os passageiros gera, automaticamente, um ranking popular da qualidade dos serviços das companhias aéreas. O ranking pode ser consultado por qualquer pessoa.

Já para participar da avaliação é necessário se cadastrar. Com login e senha pessoais, o passageiro cadastrado poderá alterar sua avaliação e fazer novas votações sempre que desejar.

“O ranking é o pontapé inicial do Portal do Passageiro, um site que vem para ajudar todos que viajam de avião e que deve ficar pronto até o final deste ano”, adianta Noronha, que é o idealizador do projeto.

O conteúdo do portal contará ainda com muitas outras ferramentas para os clientes, dentre elas: espaço com ficha técnica e informações de cada uma das empresas aéreas que operam no Brasil, fórum de discussão entre passageiros e as companhias, tabelas mensais dos atrasos e cancelamentos dos voos das empresas e também um ranking dos principais aeroportos do País.

O Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias informou que não foi consultado sobre essas iniciativas mas considera válidas todas as iniciativas e se posiciona a favor de todas medidas para melhorar o conforto do passageiro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.