Empresa é condenada por cancelar cartão indevidamente

Marcelo Moreira

14 Maio 2009 | 22h52

A Banescard Banest Administradora de Cartões de Crédito terá de reparar danos causados a uma consumidora que teve o cartão cancelado indevidamente. Ela teve o cartão recusado em, pois ele foi incluído no boletim de cancelamento de cartões por engano. A decisão é da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ).