Empresa de telefonia é condenada por cobrar sem oferecer serviços

Marcelo Moreira

05 de março de 2010 | 16h54

A Oi foi condenada a pagar R$ 5 mil em indenização por danos morais a um cliente que passou por situações constrangedoras, como cobranças indevidas, serviços oferecidos que não funcionavam, mas foram cobrados e não recebimento dos boletos de cobrança. A decisão é do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE).

Mais conteúdo sobre:

cobrança indevidaOitelefonia