Empresa de ônibus é condenada por impedir idosa de viajar gratuitamente

Marcelo Moreira

08 de junho de 2009 | 19h26

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro condenou a empresa Linave Transporte a pagar indenização moral de R$ 10 mil a duas passageiras agredidas com socos e empurrões por um dos motoristas da companhia. O condutor proibiu a entrada da mãe da consumidora apesar de ela ter o passe livre para embarcar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.