Empresa de energia é condenada por erro ao atribuir dívida a morador

Marcelo Moreira

19 de setembro de 2009 | 00h03

A Light Serviços de Eletricidade S/A foi condenada a pagar indenização, no valor de R$ 5 mil, por danos morais, a um consumidor pela interrupção no fornecimento de energia elétrica em sua residência por 23 dias.

Foi constatado débito em nome do antigo morador, mas a concessionária recusou-se a fazer a transferência de titularidade para o inquilino da residência. A decisão foi da desembargadora e relatora do recurso, Helena Cândida Lisboa Gaede, da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.