Empresa aérea é condenada por extravio de bagagem

Marcelo Moreira

07 de dezembro de 2009 | 21h46

A 3ª Turma Recursal Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), confirmou, por unanimidade, a sentença que condenou a empresa aérea TAP-AIR Portugal a pagar uma indenização de R$8.300, por danos morai, e R$491, por danos materiais, a uma passageira que teve sua bagagem extraviada quando ia à Europa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.