Empresa aérea é condenada por atrasos em voos

Marcelo Moreira

29 de maio de 2009 | 19h19

A 7ª Vara Cível de Brasília condenou a BRA Transportes Aéreos a indenizar, em total de R$ 6 mil, dois passageiros que sofreram atraso de mais de três horas em um voo durante o período do chamado “caos aéreo”. No entendimento da juíza, a “crise aérea” não exime a responsabilidade
objetiva das empresas aéreas.