Embratel lidera ranking de queixas

crespoangela

28 de novembro de 2007 | 12h08

Thalita Pires

Mais uma vez, a Embratel lidera o ranking de reclamações elaborado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A empresa passou todo 2007 como a primeira da lista. Em outubro, foram registradas 1,85 reclamações a cada mil terminais instalados. Em segundo lugar aparece a GVT, empresa que atua nos Estado do Sul, Centro-Oeste e Norte do País. A Telefônica ficou em terceiro lugar, com 0,879 queixas por mil terminais.
O total de reclamações cresceu em relação a setembro, mas permaneceu estável em relação ao número de dias úteis. No total, a Anatel registrou 33.267 queixas em 22 dias, ante 28.662 no mês anterior, com 19 dias. As principais reclamações foram sobre cobrança, atendimento e reparo da linha.
Na telefonia celular, a empresa com mais reclamações é a Brasil Telecom, com 0,521 reclamações a cada mil assinantes. Em seguida aparece a TIM, com 0,385 queixas a cada mil clientes. Entre as operadoras que atuam em São Paulo aparecem a Vivo, na 6ª colocação (0,253 a cada mil) e a Claro, no 7º lugar (0,159 por mil), entre 9 empresas avaliadas. A Anatel faz reuniões periódicas com as prestadores de serviços de telefonia, para melhorar a qualidade do atendimento. A agência recebe reclamações sobre as empresas de telefonia por meio do telefone 0800-332-011, pela página da internet (www.anatel.gov.br), por correspondência e pessoalmente nos postos de cada Estado. Os endereços estão na página da Anatel.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.