Conflito de dados por desatualização impede portabilidade

Marcelo Moreira

03 Fevereiro 2010 | 19h15

Não é incomum clientes da telefonia celular que pedem para mudar de operadora pelo sistema da portabilidade encontrarem problemas para efetivar a migração. A maior dificuldade está nos dados do cadastro do usuário do telefone.

A confusão está no fato de que muitos clientes usam uma linha que está em nome de outra pessoa, porque foi comprada por um amigo ou parente, por exemplo. Na operadora antiga, consta o nome da pessoa que comprou e na nova operadora o do verdadeiro usuário.

Essa incompatibilidade de dados impede a migração. Para evitar isso, antes de solicitar a transferência para outra operadora, o consumidor deve conferir se os dados da linha estão corretos e regularizar a situação.

Além disso, o consumidor jamais deve solicitar o cancelamento para a operadora da qual deseja sair para depois contatar a nova empresa. Caso contrário, corre o risco de ficar sem a linha. O procedimento correto é comunicar apenas a nova empresa com a qual terá a nova prestação de serviço.