Cobertura negada por plano rende indenização

A 2ª Câmara de Direito Civil do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) condenou a Unimed a indenizar em R$ 5 mil um cliente, por danos morais. Em julho de 2007, ele teve negado um pedido, depois de ter pago pelo plano de saúde por mais de 12 anos

Marcelo Moreira

06 de setembro de 2010 | 13h58

A 2ª Câmara de Direito Civil do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) condenou a Unimed a indenizar em R$ 5 mil um cliente, por danos morais. Em julho de 2007, ele teve negada a cobertura de prótese para realização de cirurgia cardíaca, depois de ter pago pelo plano de saúde por mais de 12 anos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.