Carro vendido com defeito rende indenização

A Peugeot-Citroën do Brasil e a Lyon Comércio e Serviços Automotivos terão de dar um novo veículo ao comprador de um Peugeot 206 Soleil (ano 2000) que ainda receberá R$ 10 mil por danos morais

Marcelo Moreira

24 de novembro de 2010 | 18h13

A Peugeot-Citroën do Brasil e a Lyon Comércio e Serviços Automotivos terão de dar um novo veículo ao comprador de um Peugeot 206 Soleil (ano 2000) que ainda receberá R$ 10 mil por danos morais.

O carro apresentou diversos defeitos (como banco traseiro e calço do motor soltos, amortecedores com vazamento de óleo, correia do motor em péssimo estado e banco dianteiro rasgado) e chegou a ser trocado, mas o novo carro também apresentou defeitos graves. A decisão é da 4ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Tudo o que sabemos sobre:

indenizaçãoPeugeot-Citroën

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.