Cai o número de cartas em 2006

crespoangela

18 de janeiro de 2007 | 16h39

Texto de Angela Crespo

Fechado o ano de 2006, o Ranking do Advogado de Defesa registrou baixa no número de cartas recebidas em relação a 2005. Foram, respectivamente, 6.609 e 7.282 reclamações, queda de 10,1%. A redução é um sinal positivo, isto é, indica que as empresas estão melhorando suas centrais de atendimento aos consumidores e resolvendo de forma satisfatória as reclamações de seus clientes sem que estes tenham de recorrer à imprensa para sanar a pendência.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.