Bancos afirmam que pacote gratuito está disponível

Marcelo Moreira

18 de setembro de 2012 | 17h02

Luciele Velluto

Procurado pela reportagem sobre o teste realizado pelo Idec, o Banco do Brasil afirmou que, em conformidade com a Resolução Bacen 2010/3.919, oferece aos seus clientes a possibilidade de optar pela utilização dos serviços essenciais, que estão disponíveis automaticamente para o cliente, caso ele não faça opção ou cancele um determinado pacote de serviços.

O Bradesco disse que cumpre rigorosamente as regras do Banco Central no que diz respeito à oferta de produtos e serviços, “tentando sempre oferecer o produto ou serviço mais adequado a cada cliente”. “Esclarecemos ainda que a opção de aquisição/contratação de qualquer produto ou serviço é decisão do cliente e o Bradesco respeita essa escolha”, afirmou, em nota.

O Itaú Unibanco informou que está comprometido em satisfazer seus clientes e a preocupado em entender suas necessidades por serviços bancários, oferecendo a possibilidade de aderirem a pacotes que melhor se enquadrem ao seu perfil de relacionamento com o banco.

Já a Caixa afirmou que a contratação de uma cesta de serviços é opção do cliente, que pode escolher aquela que melhor atenda suas necessidades e, independentemente de possuir ou não um pacote, os clientes podem usufruir os serviços essenciais. O Santander e o HSBC não responderam ao JT.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.