Banco é condenado por saques indevidos na conta de cliente

Marcelo Moreira

23 de junho de 2009 | 19h39

Por decisão da 6ª Vara da Fazenda Pública do Distrito Federal, o Banco de Brasília terá de restituir R$ 3.980,47 a uma consumidora que sofreu diversos saques em sua poupança destinada a custear suas férias. Por não ter havido clonagem do cartão, o banco havia se recusado a devolver o dinheiro. O banco pode recorrer.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.