Banco é condenado por impedir cliente de entrar em agência

Marcelo Moreira

04 de agosto de 2009 | 18h49

O Itaú foi condenado a pagar indenização de R$ 3 mil a um cliente que foi impedido de entrar na agência por causa do travamento da porta giratória. Mesmo depois de mostrar os pertences e demonstrar que não carregava metais, o consumidor não pôde entrar no banco. A decisão é do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Tendências: