Banco é condenado por empréstimo a pessoa com documento falso

Marcelo Moreira

21 de novembro de 2008 | 17h02

Um aposentado da cidade de Passos (MG) irá receber R$ 20 mil de indenização do Banco BMG S/A. O banco fez um empréstimo de R$ 22 mil a uma pessoa que usou indevidamente os documentos do aposentado. O valor da indenização foi fixado pela 11ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.