Banco Central alerta sobre títulos falsos que circulam no mercado com seu logotipo

Marcelo Moreira

24 de julho de 2009 | 22h19

DA AGÊNCIA BRASIL

O Banco Central (BC) divulgou hoje nota para esclarecer que não emite qualquer espécie de título.

O esclarecimento se deve ao fato do BC estar recebendo frequentes pedidos de informações a respeito de pretensos títulos denominados Certidão Conjunta de Valor Atualizado, Certificado de Repactuação e Declaração de Autenticidade, apresentados com o logotipo da instituição e com assinaturas que pretendem ser de seus diretores e de outras autoridades brasileiras.

“Tais documentos estariam sendo oferecidos, inclusive no exterior, como garantia de operações financeiras”, diz o BC.

O BC ressalta que, conforme a Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, é vedado ao Banco Central emitir qualquer espécie de título. “Ademais, todos os títulos emitidos pelo Tesouro Nacional e mantidos em custódia no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia, gerido pelo Banco Central, revestem-se de características escriturais, sendo negociados e custodiados eletronicamente.”

Segundo o BC, os documentos são fraudulentos e não representam débito do Banco Central ou do governo brasileiro. A autoridade monetária solicitou investigação à Polícia Federal para apurar a origem dos títulos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.