Avimed: um histórico de problemas

Marcelo Moreira

09 de setembro de 2009 | 22h00

  • Em fevereiro deste ano, a ANS determinou a transferência compulsória da carteira de clientes da operadora de planos de saúde Avimed para uma outra operadora em razão de problemas financeiros insolúveis da empresa.

  • Um dos principais problemas era que grande parte dos conveniados eram ex-integrantes do extinto plano Interclínicas, que faliu em 2004 e acabou absorvido pela Saúde ABC, mas essa operadora também não teve sucesso e acabou vendendo sua carteira para a Avimed em 2006.

  • Com a publicação do edital de convocação, foram recebidas 11 propostas de operadoras, mas apenas duas atenderam às condições do edital de convocação e, em maio deste ano, a ANS escolheu a Itálica Saúde e o Plano de Saúde Ana Costa para assumirem os conveniados da Avimed.

  • Logo após da decisão do órgão regulador, entidades de defesa do consumidor contestaram a medida porque a Itálica Saúde era mal avaliada pela própria agência.

  • O Idec entrou com uma ação pedindo que os conveniados Avimed pudessem trocar de convênio sem cumprir carências e, em julho, o juiz da 15ª Vara Cível Federal de São Paulo concedeu liminar autorizando o procedimento.

  • Comentários

    Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.