Atenção antes de assinar o contrato da TV por assinatura

Marcelo Moreira

07 de agosto de 2009 | 19h33

Antes de assinar o contrato com uma operadora de tevê por assinatura, alguns cuidados são necessários. Antes de tudo, o interessado deve informar-se se o condomínio permite a instalação da antena ou se a rua está preparada para receber os cabos.

Depois, deve pedir a visita de um técnico para constatar se no local a transmissão do sinal é satisfatória. Se for possível, é recomendável pedir que ele ateste isso por escrito.

Também é bom lembrar que, como a assinatura de pacotes de canais é oferecida, na maioria das vezes, por telefone, o consumidor deve anotar todas as informações passíveis de dúvidas ou de enganos.

Isso significa tomar nota do valor da taxa de adesão, da mensalidade, a periodicidade do reajuste ( segundo o Código de Defesa do Consumidor deve ser anual), vigência do contrato, as condições para suspensão temporária, os encargos em caso de atraso, o conteúdo e opções de cada pacote de canais, o número de pontos extras, etc.

Deve-se exigir, ainda, o envio de uma cópia do contrato. Pedir referência dos serviços oferecidos pelas operadoras para conhecidos é sempre bom. Além, é claro, consultar o Cadastro de Reclamações Fundamentadas do Procon-SP, o que pode ser feito pela internet (www.procon.sp.gov.br).

Tendências: