Aposentadoria em 30 minutos

Marcelo Moreira

16 de outubro de 2008 | 16h55

O Estado de S. Paulo

O ministro da Previdência Social, José Pimentel, disse ontem, 15 de outubro, que, a partir de janeiro de 2009, os trabalhadores que estiverem em condições de se aposentar poderão ter o procedimento resolvido em 30 minutos no Instituto Nacional de Seguro Social (INSS).

Atualmente o prazo é de um mês. Pimentel divulgou a informação durante congresso de segurança da informação e comunicações do governo federal.

Para isso, é necessário que seja aprovada a ampliação do Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis), que contém informações de trabalhadores empregados e contribuintes individuais, empregadores, vínculos empregatícios e remunerações.

Hoje a base permite consultar dados a partir de 1994. Com a aprovação do projeto pelo Senado, o objetivo é que inclua documentos a partir de 1976. Inicialmente, o projeto incluiria aposentadorias por idade e somente gradualmente valeria para outros tipos de aposentadorias.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.