Adesão a convênio médico está até 23,5% mais cara

Marcelo Moreira

09 de setembro de 2009 | 22h15

LUCIELE VELLUTO – JORNAL DA TARDE

Os preços dos planos de saúde com contrato individual subiram até 23,50% para a adesão desde o início do ano de acordo com levantamento feito pelo JT com seis grandes operadoras do setor. Apenas uma delas não reajustou o valor da mensalidade e outra reduziu os preços em até 15,02%.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Medicina de Grupo (Abramge), Arlindo de Almeida, o preço cobrado para novos contratos é livre e apenas os antigos são reajustados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) – 6,76% em maio. Ele afirma que os aumentos ocorrem porque os reajustes liberados pela agência reguladora são menores do que a elevação de gastos das empresas e há uma compensação nos novos contratos.

Entre as que mais subiram o valor de adesão está a Dix Amico: a faixa etária de 19 a 23 anos passou de R$ 64,85 mensais em junho para R$ 80,09 em julho no plano standard, um reajuste de 23,50%.

Na sequência está o plano da mesma empresa para faixa entre 39 e 43 anos, que foi de R$ 97,30 de junho para R$ 116,19 em julho, uma alta de 19,41%. O restante das faixas tiveram reajustes menores e até queda no período. Segundo a empresa, a tabela passou por uma reformulação acompanhando os preços praticados pela concorrente Amil.

No plano de entrada da Amil foi verificado um reajuste de 15% em todas as faixas etárias. No entanto, a operadora contesta a comparação, por ter deixado de oferecer, em maio, o plano Next 10 QC. Este, porém, foi substituído pelo Blue I que é 15% mais caro que o pacote extinto pela empresa.

Outra que reajustou o plano em todas as faixas foi a Medial, com aumento de 10% em setembro. A operadora afirma que a alta ocorreu por causa da elevação de custos médicos, avaliação de sinistralidade de carteira, entre outros. A Unimed também subiu o preço em 2% em junho.

A Samcil foi a única que não mexeu no valor da mensalidade do plano básico desde o começo do ano. Já a Greenline está com o plano de entrada 15% mais barato para qualquer idade. Segundo a operadora, a redução é por causa de uma promoção de adesão que não há previsão de acabar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.