1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Mensalao

Vicentinho diz estar feliz por absolvição de João Paulo

DAIENE CARDOSO E EDUARDO BRESCIANI - Agência Estado

13 Março 2014 | 18h 53

O líder do PT na Câmara dos Deputados, Vicentinho (SP), disse nesta quinta-feira estar "particularmente feliz" pela absolvição do ex-deputado João Paulo Cunha (PT-SP) por crime de lavagem de dinheiro no processo do mensalão. "Lavagem de dinheiro é quando você tem dinheiro de corrupção, do tráfico de droga e transforma em coisa legalizada. Isso que é lavagem. O Supremo Tribunal (Federal) está corretíssimo quando percebe que isso foi uma ação pública, legal", disse o petista.

Vicentinho lembrou que João Paulo Cunha entrou na política quando era um jovem metalúrgico e que sempre morou na periferia de Osasco, na Grande São Paulo. "Que diabo de quadrilheiro, que diabo de corrupto é esse que não tem absolutamente nada?", indagou. O líder disse que não há irregularidade em se mandar um parente buscar dinheiro no banco.

No Twitter, poucos petistas comentaram na tarde desta quinta a absolvição. "(Foi) apenas a reparação de uma injustiça", escreveu Francisco Rocha da Silva, o Rochinha, coordenador da corrente petista Construindo um Novo Brasil (CNB).

Mensalao